* Rio Araguari - destruição da floresta pelo Consórcio Capim Branco em tempos de aquecimento global

Selected for Google Maps and Google Earth

Comments (9)

Glaucio Henrique Cha… on May 8, 2007

A destruição causada no rio Araguari pelo Consórcio Capim Branco - Hoje essa paisagem está submersa.

A exuberante floresta que margeava o rio foi desmatada. Os prédios históricos da ferrovia Mogiana (CMEF), do final do século retrasado foram demolidos e os pilares da antiga ponte ferroviária foi coberto pelas águas.

Esse era o último trecho do rio Araguari sem represas. Espécies aquáticas de água corrente foram extintas.

Foto: 14/09/2006 - região do Preá.

O Consórcio Capim Branco é formado pelas seguintes empresas:

Companhia Vale do Rio Doce (CVRD), Votorantim Metais (Grupo Votorantim), Comercial e Agrícola Paineiras (grupo Suzano) e Cemig Capim Branco Energia S/A (?). Originalmente, a Camargo Corrêa também fazia parte do Consórcio.

Marcelo Parise Petaz… on April 27, 2009

Tudo pelo "progresso"!

Glaucio Henrique Cha… on June 30, 2009

Compare o tamanho dos caminhões (na estrada), para ter uma idéia da destruição.

bercamel on January 9, 2010

Isso mostra que evoluir nem sempre é andar pra frente...

andrelcnavarro on March 26, 2010

Acho que a discução em si é muito mais complexa que isso. Se contestarmos a necessidade da usina hidroelétrica ou até mesmo sua construção as críticas quanto ao desmatamento são cabiveis. Mas se concordarmos com a alegação de que as usinas Capim Branco I e II são necessárias, o desmatamento é necessário e lógico pois a madeira em decomposição prejudica a usina pela alteração do ph da água, sem contar em desperdicio, algo ecológicamnte condenável, pois a madeira submersa é inútil para qualquer fim. Arvore viva, devemos preservar. Mas se esta morta ou vai morrer porque vai ser submersa, por que não cortar antes? Pense, esta árvore que seria submersa e foi cortada salvou a vida de outra que seria cortada no lugar dela... Não negue que isso iria acontecer, pois com certesa iria, foi essa dessa vez, e a amanhã será outra. Desmatamento houve, há e haverá, o desafio é tornar a produção de madeira sustentável para minimizar os danos.

Glaucio Henrique Cha… on April 2, 2010

"Há quem passe por um bosque e veja apenas lenha para fogueira". Andrelcnavarro, concordo contigo que a discussão é bastante complexa. Não pretendo ser nenhum dono-da-verdade, mas parece que você reduziu todo o problema a uma questão meramente extrativista. O problema nem é cortar as árvores "que já iriam morrer". Mas aí vão algumas dicas para uma discussão mais complexa: vale a pena privatizar um rio que é de todos? Quando a demanda por energia elétrica vai estabilizar? O uso da eletricidade gerada é para a população ou para uma demanda particular? Vamos construir usinas enquanto houver algum rio que permita? Os benefícios gerados cobrem os impactos permanentes deixados?

Cortar as árvores que já iriam morrer de qualquer forma parece ideologia de quem joga uma bomba atômica sobre uma cidade: As pessoas já iriam morrer de qualquer forma e tudo foi por um "bem maior". Obrigado pelo comentário e pela visita.

Glaucio Henrique Cha… on May 26, 2010

Minas Gerais lidera o ranking de desmatamento da Mata Atlântica. Essa região do rio Araguari, destruída de forma permanente pelo Consórcio Capim Branco era um dos últimos remanescentes no Triângulo. As informações são da ONG SOS Mata Atlântica: http://www.sosmatatlantica.org.br/

Amarildo Souza on October 15, 2012

Triste foto!

Pobre o povo que sabe preservar a natureza!

Saudações.

romuloff on August 27, 2013

Triste evolução burra

Sign up to comment. Sign in if you already did it.

Photo details

  • Uploaded on May 8, 2007
  • © All Rights Reserved
    by Glaucio Henrique Cha…

Groups